Gatos podem sofrer de diabetes, leucemia e, até mesmo, de Aids.

Data: 23/04/2016

Muito se ouve falar sobre as doenças que acometem os cachorros, mas, há, também, enfermidades perigosas que atacam os felinos.

A pedidos do R7, a veterinária Estela Pazos listou as cinco doenças mais comuns nos gatos.

A primeira, segundo a especialista, são as doenças respiratórias. Os gatos podem apresentar bastante problemas neste complexo.

Eles podem apresentar secreções verdes bem parecidas com a do homem. Além de grande dificuldade para respirar, falta de apetite e, até mesmo, uma úlcera na boca.

Stella afima que existem medidas de precaução  e o gatinho pode ser vacinado contra esta doença. Há, também, inalação para o pet e tratamento com antibiótico.

O problema é identificar, nem sempre o felino espirra, por isso é importante ficar de olho no comportamento dele e, principalmente, se está parando de comer.

Outro problema citado pela médica é a leucemia viral felina. Muito semelhante com a humana, esta doença é causada por um vírus transmitido por meio da saliva do bichano.

Não há necessidade de encostar em algum ferimento, basta apenas ter contato com a mucosa do gato.

De acordo com a veterinária, esta doença é responsável em debilitar o sistema imunológico do animal.

Existe um teste feito em laboratório para prevenir e, também, uma vacina específica. Se o felino já tiver contraído a doença, ele pode fazer um tratamento contra estresse, para que o vírus não seja ativado. Esta doença acomete, geralmente, os gatos mais jovens.

Outra doença bem humana que atinge os felinos é a aids felina. Também com sintomas bem parecidos ao dos homens, esta enfermidade é transmitida por meio de saliva, entretanto deve ter contato direto com algum ferimento presente no bichano.

 A doença atinge o sistema imunológico, gerando emagrecimento e maior facilidade de contrair outras doenças, mas o gato consegue sobreviver por longos anos com a aids. Hoje em dia há tratamentos para aumentar a imunidade, bem semelhantes aos que são aplicados em seres humanos.

 A pnaleucopenia felina também faz parte da lista das doenças mais comuns dos felinos. Ela causa uma inflamação intestinal no gato, causando diarréia altamente contaminante.

 Atinge mais gatos de rua e de abrigo. Geralmente é transmitida por saliva, fezes e contato com animal contaminado. O hábito de se lamber que os gatos possuem, pode fazer com que se contaminem. Há vacina para prevenir esta doença.

 E, por fim, a diabetes. A causa é a mesma que acomete os homens: aumento da quantidade de glicose no sangue.

É uma incapacidade do pâncreas de produzir insulina, capaz de regular o açúcar no sangue. Os sintomas são: o aumento de urina, uma sede excessiva e, claro, perda do apetite.

 A diabetes pode ser tratada por meio de injeção de insulina e com uma dieta específica.

Autor: R7 Entretenimento

< Ver todos os artigos

Confira outros artigos